Aqui você encontra os termos mais comuns na vida de um buliçoso das galáxias. Esta página estará em constante crescimento, por isso, mandem sugestões através dos comentários.

bobina

Uma bobina é um fio isolado enrolado sobre um eixo com o intuito de produzir um campo eletromagnético. Pode ou não possuir um núcleo formado por um material ferromagnético. A função do núcleo é concentrar as linhas do campo eletromagnético gerado pela bobina, melhorando o seu rendimento.

A bobina funciona com o princípio de que um condutor qualquer conduzindo corrente elétrica gera ao seu redor um campo eletromagnético. Quando esse condutor é enrolado sobre um eixo, as linhas se somam ao redor da bobina, produzindo um campo eletromagnético bem mais forte. O campo gerado pode ser utilizado para diversas coisas, como por exemplo, mover um “martelo” que fica batendo dentro de uma campainha ou fazer disparar um disjuntor magnético.

Os ímãs não naturais também são feitos com bobinas, além de motores, alto-falantes, monitores de televisão (não sendo LCD nem de plasma), etc.

disjuntor

Dispositivo de proteção e manobra de circuitos elétricos. Apesar de você poder ligar e desligar circuitos manualmente com o disjuntor, a sua principal função é proteger a fiação elétrica de sobrecorrentes e curto-circuitos. Podem ser térmicos, magnéticos ou termomagnéticos.

Os disjuntores magnéticos reagem a elevações bruscas de corrente, características de um curto-circuito. Eles possuem uma bobina que reage ao curto-circuito gerando um campo eletromagnético que atua no mecanismo de abertura do disjuntor, interrompendo a corrente.

Os disjuntores térmicos protegem os circuitos de sobrecorrentes e têm como base de funcionamento forças geradas por um elemento bimetálico em seu interior.

Um bimetal é um conjunto formado por dois metais com coeficiente de dilatação térmica diferentes, que sofrem flexão com o aumento de temperatura (característica de uma sobrecorrente). Ou seja, são duas chapinhas de metal coladas juntas. Quando elas esquentam, uma dilata mais que a outra, fazendo o conjunto entortar para o lado da que dilata menos. Essa flexão é que faz atuar o mecanismo de abertura do disjuntor.

Os disjuntores termomagnéticos possuem tanto a bobina quanto o par metálico e servem para proteger os circuitos de sobrecorrentes e curto-circuitos.

relé

Um relé é uma chave ou interruptor que não precisa ser atuado manualmente. Ele é um elemento que transforma algum tipo de informação em um comando liga/desliga. Com ele, você pode ligar uma lâmpada ou acionar a buzina do carro sem que seja necessário o toque do seu dedo em cima.

O principal componente do relé é um contato elétrico, que pode ser atuado de diversas maneiras, dependendo do tipo de relé. Em um relé fotoelétrico da iluminação pública, a ausência de luz é que atua o contato que faz acender as lâmpadas. Quando você liga a seta do seu carro, aquele barulhinho tic-tac-tic-tac-tic-tac é um relé fechando-abrindo-fechando-abrindo-fechando-abrindo para que a luz fique ligando-desligando-ligando-desligando-ligando-desligando.

solenóide

Ver bobina.

Uma resposta to “Glossário”

  1. Jean Says:

    Parabéns pelo guia. Bastante interessante!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s